Andamos no Fiat Argo 1.8 com câmbio automático

P1050675

COMPARTILHE

Avaliamos o Argo Precision com motor flex 1.8 de 139 cv de potência e câmbio automático de 6 velocidades. Preço partir de R$ 68.290,00.

Principal concorrente do VW Polo no Brasil, o Fiat Argo 1.8 Precision está a disposição para aqueles que podem pagar por mais potência e torque. Por dentro, não há diferença com relação a versão 1.3 testada anteriormente, que surpreendeu pela eficiência do motor 1.3.

Definido como compacto premium, o Argo faz parte da nova geração de automóveis compactos que chegam mais equipados ao mercado, aliado ao bom acabamento e conectividade com os smartphones. O modelo faz parte da estratégia da Fiat para concorrer com o VW Polo e barrar o avanço da VW do Brasil, que já declarou publicamente que tem como meta fechar este ano em segundo lugar no mercado brasileiro de automóveis e comerciais leves (VW encerrou 2017 na terceira posição atrás da GM e Fiat).

De acordo com a montadora, um motor econômico pesa na escolha dos 38% dos consumidores, ficando o preço em segundo lugar com 28%, e o design em terceiro, com 27% de relevância, na decisão de compra.

Painel completo é um dos atrativos do Fiat Argo. Central multimídia está bem localizada e facilita a visibilidade para o motorista. Foto: Amauri Yamazaki
Painel completo é um dos atrativos do Fiat Argo. Central multimídia está bem localizada e facilita a visibilidade para o motorista. Foto: Amauri Yamazaki

Em termos de economia, preço e design, o Argo é competitivo, razão pela qual apresenta boas vendas tendo emplacado 4.972 unidades em janeiro deste ano. A robustez da carroceria chama a atenção, e de acordo com a Fiat, a rigidez da carroceria foi proporcionada com a introdução de aços especiais. Em um país com ruas e estradas esburacadas, a rigidez da carroceria é um fator importante para segurança dos passageiros e longevidade do veículo.

Design e espaço interno estão entre os pontos fortes do Fiat Argo. Foto: Amauri Yamazaki
Design e espaço interno estão entre os pontos fortes do Fiat Argo. Foto: Amauri Yamazaki

No interior, além do bom acabamento e da sequencia de botões abaixo das saídas do ar-condicionado, chama a atenção a tela central UConnect de 7 polegadas, muito bem posicionada para visualização do motorista. O dispositivo não vem com GPS, mas é possível conectar o navegador do celular via cabo, com o Waze ou o Google Maps. O Bluetooth está disponível para fazer chamadas e conectar o aparelho, mas para espelhar o celular somente via cabo.  A tela é sensível ao toque.

No centro do painel está uma central UConnect com 7 polegadas sensível ao toque. Foto: Amauri Yamazaki
No centro do painel está uma central UConnect com 7 polegadas sensível ao toque. Foto: Amauri Yamazaki

Na frente ao motorista, entre o velocímetro e o conta-giros, uma tela digital disponibiliza informações com informações do computador de bordo, pressão dos pneus, sistema de áudio, entre outras.

O modelo vem com duas entradas USB permitem acoplar o celular via cabo (e acessar o Waze por exemplo) e a outra entrada pode ser utilizada para colocar um pendrive com músicas.

O ar-condicionado digital é opcional e está no KIT TECH, ao custo de R$ 3.500,00 e acompanha sistema keyless, retrovisores externos com rebatimento elétrico, quadro de instrumentos em tela TFT de 7 polegadas personalizável, sensor de chuva, sensor crepuscular e retrovisor elétrico eletrocrômico.

O KIT PARKING, com sensor traseiro com visualizador gráfico e câmera de ré com linhas dinâmicas, tem custo de R$ 1.600,00.

Já o  KIT STILE, traz bancos de couro ecológico, rodas de liga leve e pneus 195/55 R16.

O volante tem excelente empunhadura e vem com comandos para áudio, mídia, computador de bordo e piloto automático.

Outro item que chama a atenção no Argo é o espaço interno para acomodar bem 5 passageiros. Na parte de trás, os passageiros do banco traseiro vão com mais conforto do que os passageiros do Polo.

MOTOR & CÂMBIO

4 cilindros, 1.8, 16V, com o recurso de start-stop (desliga o motor nos faróis ou congestionamentos sem desligar o ar-condicionado e a parte elétrica), com 135 cv de potência abastecido com gasolina e 139 cv com etanol.

Torque de 18,8 kgfm a 3.750 rpm a gasolina e 19,3 kgfm com etanol. O motor é linear e silencioso e o câmbio automático trabalha em boa sintonia com o motor. As mudanças de marcha podem ser realizadas manualmente com as borboletas atrás do volante.

O Argo é fácil de dirigir e a potência do motor 1.8 é agradável principalmente na cidade, onde o torque ajuda o veículo nas arrancadas e retomadas.

Motor 1.8, 4 cilindros, transversal, 16V, com 139 cv de potência máxima com etanol. Foto: Amauri Yamazaki
Motor 1.8, 4 cilindros, transversal, 16V, com 139 cv de potência máxima com etanol. Foto: Amauri Yamazaki

Durante o período de avaliação, o Argo fez 9,5 km/l na cidade e 13,8 km/l na estrada abastecido com gasolina.

De acordo com a Fiat, o Argo 1.8 vai de 0 a 100 km/ em 10,4 segundos e atinge velocidade máxima de 191 km/h, com etanol.

O porta-malas tem capacidade para acomodar 300 litros de bagagem é de bom tamanho para um carro hatch.

Side bags dianteiros estão entre os opcionais ao custo de R$ 2.500,00.

FIAT ARGO – Ficha técnica

Motor: 4 cilindros, 1.747 cm3, flex, dianteiro, transversal, SOHC 16V

Potência: 139 cv de potência com etanol e 135 cv com gasolina

Torque: 19,3  kgfm  a 3.750 rpm com etanol e 18,8 kgfm a 3.750 rpm com gasolina

Câmbio: Automático sequencial de 6 velocidades

Comprimento: 3.998 m

Largura: 1.724 m

Altura: 1.507 m

Freios: Disco nas rodas dianteiras e tambor nas traseiras

Peso em ordem de marcha: 1.624 kg

Pneus: 185/60 R15

Tanque de Combustível: 48 litros

Porta Malas: 300 litros

Porta-mals com capacidade para 300 litros. Foto: Amauri Yamazaki
Porta-mals com capacidade para 300 litros. Foto: Amauri Yamazaki
Ar-condicionado digital é opcional. Foto: Amauri Yamazaki
Ar-condicionado digital é opcional e vem com outros equipamentos no Kit Tech (keyless, retrovisores com rebatimento elétrico, sensor de chuva, sensor crepuscular, retrovisor interno eletrocrômico e tela TFT de 7 polegadas) ao custo de R$ 3.500,00. Foto: Amauri Yamazaki

 

 

 

Deixe uma resposta

*