O Golf Variant passa a contar com motor 1.4 TSI Total Flex de 150 cv em suas duas versões: Comfortline e Highline. O comando de voz, acionado pelo volante multifuncional, agora item de série em todas as configurações. A oferta de rodas de liga leve também é nova para a linha 2017.

Produzido na fábrica da Volkswagen em Puebla, no México, o Golf Variant 2017 é equipado com o motor 1.4l TSI Total Flex, com bloco e cabeçote feitos de alumínio, duplo comando de válvulas no cabeçote (variável na admissão; são quatro válvulas por cilindro) e é equipado com injeção direta de combustível e turbocompressor. Esse motor desenvolve potência de 150 cv (etanol e gasolina) na faixa de 4.500 rpm a 5.500 rpm. Seu torque máximo, de 25,5 kgfm (250 Nm), surge a apenas 1.500 rpm e se mantém até os 4.000 rpm, independentemente da mistura de combustível.

Tanto na versão Comfortline como na Highline, o motor 1.4l TSI Total Flex é combinado exclusivamente transmissão automática de 6 velocidades (com conversor de torque) com função Tiptronic (que permite ao motorista efetuar as mudanças manualmente, por meio da alavanca de c¢mbio ou por aletas no volante). O Novo Golf Variant acelera de 0 a 100 km/h em 9,1 segundos e alcança 207 km/h de velocidade máxima com etanol. A central eletrônica do motor (ECU) tem novos software e hardware. Os pistões e anéis foram redimensionados para os 10 cv extras de potência do motor flexível, que recebeu um catalisador especifico para ele. Ainda no sistema de ignição, as velas contam com grau térmico espec­fico e geometria diferenciada para funcionar em qualquer mistura de etanol ou gasolina.

Em troca do aumento de potência e do motor flex, o Golf Variant perdeu o c¢mbio automático DSG de 7 marchas e de dupla embreagem (um show) e a suspensão traseira multilink.

Modelo de entrada, o Golf Variant Comfortline tem foco na relação custo-benefício, traz uma série de recursos de segurança, como: sete airbags (dois frontais, dois laterais nos bancos dianteiros, dois laterais do tipo cortina e um de joelho para o motorista), cintos de segurança automáticos de três pontos em todos os assentos, controle de tração (ASR), controle de estabilidade (ESC), bloqueio eletronico do diferencial (EDS e XDS) distribuição eletronica de frenagem (EBD), faróis de neblina com luz de conversão estática, sistema Isofix de fixação de cadeirinha de criança com top tether (que permite a fixação da parte superior da cadeirinha) e freios com Sistema de Frenagem Automática Pós-Colisão.

O Golf Variant Comfortline também traz como equipamento de série o sistema Star/Stop, direção elétrica, ar-condicionado, vidros dianteiros e traseiros com acionamento elétrico e função œum toque, sistema de infotainment œComposition Media com tela sensível ao toque de 6,5, travamento central por controle remoto e rodas de liga leve de 16 estilo œDover (pneus 205/55 R16), freio de estacionamento com o sistema Hill Assist, sensores de aproximação de obstáculos na dianteira e na traseira (Park Pilot) e retrovisores externos com ajuste elétrico, aquec­veis, com luz de seta integrada (side blinker) e função tilt down complementam a lista de série. Como novidade para a linha 2017 há a opção das rodas de liga leve de 17 polegadas, com pneus 225/45 R17.

A versão topo de linha, o Golf Variant Highline vem com tudo da versão Comfortline + ar-condicionado digital Climatronic (com duas zonas de resfriamento), bancos de couro, lanternas de LED, volante multifuncional com controles do computador de bordo e dos sistemas de som e telefonia, sensores de chuva e de luminosidade com Coming Leaving & Home, entre outros. Opcionalmente, a versão Highline pode ser equipada com faróis de xen´nio, rodas de liga leve de 17 diamantadas estilo Madrid, sistema de infotainment Discover Pro com tela sensível ao toque de 8™ e a tecnologia Volkswagen App-Connect, capaz de realizar o espelhamento de celular nas plataformas Mirrorlink, Android Auto e Google CarPlay.

Um dos destaques do Golf Variant é sua versatilidade, com a grande capacidade para bagagens: seu porta-malas comporta 605 litros, o que significa amplo espaço mesmo com cinco ocupantes a bordo. Rebatendo-se os bancos traseiros a capacidade para bagagens aumenta para 1.620 litros. O comprimento total do porta-malas é de 1.055 mm “ até os encostos dos bancos dianteiros são 1.831 mm. O Golf Variant mede 4.562 milímetros de comprimento “ são 307 mm a mais no comprimento em relação ao hatchback “, com 1.799 milímetros de largura (sem espelhos retrovisores) e 1.481 milímetros de altura. A distância entre-eixos é de 2.630 mil­metros. Essas proporções representam um projeto interessante: até as portas dianteiras, seguem-se as linhas precisas do hatchback. O estilo do Golf Variant se desenvolve a partir das colunas centrais œB em direção traseira. Todo Golf Variant oferece de série a possibilidade de seleção do perfil de direção com quatro modos (Normal™, ˜Sport™,˜Eco™ e ˜Individual™).

Freios com sistema de Frenagem Automática Pós-Colisão. Uma novidade no Golf Variant é o sistema de freios com sistema de Frenagem Automática Pós-Colisão, que evita a ocorrência de colisões múltiplas situação em que ocorre um segundo impacto após a colisão inicial. Esse sistema de frenagem aciona automaticamente os freios do veículo quando ele se envolve em um acidente para reduzir de forma significativa a energia cinética residual. O acionamento do sistema de frenagem multicolisões se baseia na detecção da colisão inicial pelos sensores dos airbags. A frenagem do veículo por meio do sistema de freios com sistema de Frenagem Automática Pós-Colisão é limitada pela unidade de controle do ESC (controle eletronico de estabilidade) a uma desaceleração acentuada. Esse valor é o mesmo do nível de desaceleração gerado pelo City Emergency Brake.

O motorista pode se sobrepor ao sistema de frenagem com sistema de Frenagem Automática Pós-Colisão a qualquer momento. Se o sistema reconhecer que o motorista está acelerando, por exemplo, ele é desligado. Em suma, esse novo sistema de frenagem aplica os freios até que o veículo atinja a velocidade de 10 km/h. A velocidade residual do carro pode ser usada assim para dirigi-lo a um local seguro ap³s o processo de frenagem.

Bloqueio eletr´nico do diferencial (EDS + XDS). Tecnicamente, o bloqueio eletr´nico do diferencial (EDS + XDS) está integrado ao Controle Eletr´nico de Estabilidade (ESC) para melhorar a din¢mica do veículo. O bloqueio do diferencial é ajustado especificamente para cada modelo Volkswagen. No Golf Variant, suas funções foram ampliadas para todas as situações de condução. O sistema melhora a agilidade do veículo e reduz a necessidade de se aplicar acentuado ¢ngulo de esterço no volante para que entre em ação a frenagem nas rodas internas curva em ambos os eixos. Isso significa que a força de frenagem aplicada colabora para que se mantenha um ¢ngulo de esterço próximo ao de um veículo trafegando normalmente.

Sistema Pro Active (Proteção proativa dos passageiros). A Volkswagen implementou o sistema se proteção proativa dos ocupantes inicialmente no Touareg. O sistema também passou a ser oferecido no Novo Golf, tornando-o um dos poucos veículos de sua categoria no mundo a oferecer esse tipo de sistema de proteção. Caso o sistema proativo de proteção aos ocupantes detecte uma situação de potencial acidente como pelo início de uma forte frenagem por meio da ativação de um assistente de frenagem os cintos de segurança do motorista e do passageiro da frente são automaticamente pré-tensionados para assegurar a melhor proteção possível pelo airbag e sistema de cintos. Quando uma situação de condução altamente crítica e instável é detectada as janelas laterais (deixando uma pequena abertura) e o teto solar são fechados. Resultado: mais segurança.
VALORES:

Golf Variant 1.4 TSI Comfortline: R$ 101.880,00

Golf Variant 1.4 TSI Highline: R$ 113.290,00

COMPARTILHAR

Escreva um comentário