Primeira vitória de Bottas na carreira com Vettel em segundo, Haikkonen em terceiro e Hamilton em quarto. Equipe Sauber anunciou que vai correr com motor Honda em 2018.

Após um início de temporada com Hamilton andando na frente com folga, o finlandês Valteri Bottas da Mercedes conquistou a sua primeira vitória na categoria (e também na Mercedes) no GP da Rússia. As Ferraris confirmaram a boa forma chegando em segundo e terceiro a frente de Hamilton.

Felipe Massa da Williams teve a corrida prejudicada por um pneu furado e chegou em nono.

Na volta de formação do grid de largada, a McLaren de Fernando Alonso parou na entrada dos boxes, provocando a necessidade de mais uma volta para o início da corrida. Na largada, a Mercedes de Valteri Bottas pulou na frente (por conta da força do motor) e assumiu a ponta, com Vettel em segundo, Raikkonem em terceiro e Hamilton em quarto.

Na primeira curva a Haas de Romain Grosjean tocou na Renault de Jolyon Palmer, provocando um acidente que obrigou o safey car a entrar na pista. Após a saída do safety car os carros mantiveram as posições, sendo que Valteri Bottas abriu 4.998 segundos de Sebastian Vettel em 19 voltas.

A corrida teve poucas ultrapassagens, mas faltando seis voltas para o final, Vettel chegou perto da Mercedes e tentou ameaçar a liderança de Bottas, mas não chegou tentar a ultrapassagem.

Os carros da ponta começaram a parar para a troca de pneus a partir da 30a volta, sendo a Ferrari de Kimi Haikkonen o primeiro a ir para os boxes, seguido por Valteri Bottas.

Com o resultado, Vettel continua na liderança do campeonato com 86 pontos seguido de Hamilton em segundo com 73 e Valteri Bottas agora com 63 pontos.

No final Massa foi cumprimentar Bottas que foi seu ex-companheiro de equipe na Williams. Já o seu atual companheiro de equipe Lance Stroll chegou na décima primeira posição, após rodar sozinha na primeira volta.

Antes do podium, o presidente da Rússia, Vladimir Putin, conversou com os pilotos dizendo que os hotéis de Socchi ficaram lotados para a corrida.

RESULTADO DO GP DA RÚSSIA DE F-1

Pos Piloto Carro Voltas Tempo Pts
1 Valtteri Bottas Mercedes 52 1:28:08.743 25
2 Sebastian Vettel Ferrari 52 +0.617s 18
3 Kimi Räikkönen Ferrari 52 +11.000s 15
4 Lewis Hamilton Mercedes 52 +36.320s 12
5 Max Verstappen Red Bull Racing TAG 52 +60.416s 10
6 Sergio Perez Force India Mercedes 52 +86.788s 8
7 Esteban Ocon Force India Mercedes 52 +95.004s 6
8 Nico Hulkenberg Renault 52 +96.188s 4
9 Felipe Massa Williams Mercedes 51 +1 volta 2
10 Carlos Sainz Toro Rosso 51 +1 volta 1
11 Lance Stroll Williams Mercedes 51 +1 volta 0
12 Daniil Kvyat Toro Rosso 51 +1 volta 0
13 Kevin Magnussen Haas Ferrari 51 +1 volta 0
14 Stoffel Vandoorne McLaren Honda 51 +1 volta 0
15 Marcus Ericsson Sauber Ferrari 51 +1 volta 0
16 Pascal Wehrlein Sauber Ferrari 50 +2 voltas 0
17 Daniel Ricciardo Red Bull Racing TAG 5 Não termin 0
18 Jolyon Palmer Renault 0 Não termin 0
19 Romain Grosjean Haas Ferrari 0 Não termin 0
20 Fernando Alonso McLaren Honda 0 Não termin 0

 

Sebastian Vettel e Kimi Haikkonen confirmaram a boa fase da Ferrari chegando em segundo e terceiro. Foto: Ferrari
Sebastian Vettel e Kimi Haikkonen confirmaram a boa fase da Ferrari chegando em segundo e terceiro. Foto: Ferrari

 

CAMPEONATO MUNDIAL DE CONSTRUTORES

Pos Equipe Pts
1 Mercedes 136
2 Ferrari 135
3 Red Bull Racing TAG Heuer 57
4 Force India Mercedes 31
5 Williams Mercedes 18
6 Toro Rosso 13
7 Haas Ferrari 8
8 Renault 6
9 McLaren Honda 0
10 Sauber Ferrari 0

CAMPEONATO MUNDIAL DE PILOTOS

Pos Piloto Nacinalidade Carro Pts
1 Sebastian Vettel Alemanha Ferrari 86
2 Lewis Hamilton Inglaterra Mercedes 73
3 Valtteri Bottas Finlândia Mercedes 63
4 Kimi Räikkönen Finlândia Ferrari 49
5 Max Verstappen Holanda Red Bull Racing TAG 35
6 Daniel Ricciardo Austrália Red Bull Racing TAG 22
7 Sergio Perez México Force India Mercedes 22
8 Felipe Massa Brasil Williams Mercedes 18
9 Carlos Sainz Espanha Toro Rosso 11
10 Esteban Ocon França Force India Mercedes 9
11 Nico Hulkenberg Alemanha Renault 6
12 Romain Grosjean França Haas Ferrari 4
13 Kevin Magnussen Dinamarca Haas Ferrari 4
14 Daniil Kvyat Rússia Toro Rosso 2
15 Pascal Wehrlein Alemanha Sauber Ferrari 0
16 Lance Stroll Canadá Williams Mercedes 0
17 Antonio Giovinazzi Itália Sauber Ferrari 0
18 Jolyon Palmer Inglaterra Renault 0
19 Stoffel Vandoorne Bélgica McLaren Honda 0
20 Fernando Alonso Espanha McLaren Honda 0
21 Marcus Ericsson Suécia Sauber Ferrari 0

 

 

Escreva um comentário