Sebastian Vettel da Ferrari largou em último, mas terminou a prova em segundo, com Kyvat da Toro Rosso Honda em terceiro

São Paulo – SP

O Grande Prêmio da Alemanha foi realizado neste domingo com a maior parte do tempo com a pista molhada.

As trocas de pneus, acidentes e as entradas do safety-car proporcionaram a corrida com a maior troca de posições da temporada.

A chuva não estava forte, mas a pista já estava totalmente molhada e o safety car deu duas voltas com todos os carros antes do grid largada, para reconhecimento de pista e para dissipar a água.

Na largada, o inglês Lewis Hamilton da Mercedes assumiu a ponta e Max Verstappen que largou em segundo, patinou na pista molhada e caiu para a quarta posição. Na primeira volta, Hamilton seguia na liderança seguido por Bottas, Raikkonen,  Verstappen e Grosjean.

Em seguida, Verstappen conseguiu ultrapassar a Alfa Romeo de Raikkonen e partiu para a aproximação de Bottas até a 20ª volta, quando parou nos boxes para a troca de pneus colocando os de composto médio. No retorno rodou sozinho, mas conseguiu voltar para a pista sem danos a Red Bull Honda.

Pelo rádio Verstappen perguntou para a equipe porque eles não haviam colocado os macios, pois enfrentava dificuldade com a aderência dos pneus médios.

Na 30ª volta, Hamilton rodou sozinho, bateu o bico do carro e entrou de forma perigosa no boxe e acabou sendo punido com 5 segundos.

Com a rodada e a punição o inglês teve sua corrida bastante prejudicada e acabou terminando na 11ª posição. Algumas horas após a corrida a organização do GP informou que as duas Alfa Romeu (7º e 8º) foram punidas devido a uma irregularidade de embreagem e com isso, Hamilton ganhou duas posições terminando em 9º.

O GP da Alemanha foi uma corrida emocionante com diversas rodadas, batidas e ultrapassagens proporcionadas pelas mudanças do clima, com o chove e pára, alterando o panorama da corrida.

Todos esperavam mais uma vitória da Hamilton, pois com os problemas da Ferrari no sábado (Leclerc largou em 10º e Vettel em 20º) a vida do inglês ficou bastante facilitada.

Durante as trinta primeiras voltas da corrida, parecia que o inglês iria vencer a prova de ponta a ponto, mas o acidente de Hamilton na 30ª volta, mudou totalmente o panorama da corrida.

Enquanto isso, Sebastian Vettel vinha em corrida de recuperação avançando rapidamente para as cinco primeiras posições.

Na 29ª volta, Charles Leclerc bateu sozinho na entrada da reta dos boxes e abandonou a corrida, para tristeza da Ferrari que já havia tido um sábado bastante complicado com problemas nos dois carros, algo incomum.

Na volta 57 (de 64), o finlandês Valtteri Bottas da Mercedes vinha tentando ultrapassar Lance Stroll da Racing Point que ocupava a terceira colocação, mas após a reta dos boxes pegou uma parte molhada da pista e acabou rodando e batendo o carro no guard-rail, abandonando a prova e causando a entrada do safety-car.

No final, vitória de Max Verstappen da Red Bull Honda com Sebastian Vettel da Ferrari em segundo e Daniil Kyvat da Toro Rosso Honda em terceiro.

A festa que era para ser da Mercedes pelos 125 anos de participação no automobilismo acabou sendo da Honda que colocou dois carros entre os três primeiros.

O único piloto da Honda a não pontuar foi o francês Pierre Gasly que terminou em 14º após abandonar a prova.

A próxima corrida é o GP da Hungria no dia 4 de agosto.

Festa da Honda no autódromo da Mercedes com 3 carros nas primeiras 6 posições. Foto: Charles Coates/Getty Images
Parceria entre a Honda e a Red Bull já resultou em duas vitórias nesta temporada, todas com Max Verstappen. Foto: Lars Baron/Getty Images

RESULTADO DO GRANDE PRÊMIO DA ALEMANHA DE F-1

PosPilotoCarroVoltasTempoPTS
1Max VerstappenRed Bull Honda641:44:31.27526
2Sebastian VettelFerrari64+7.333s18
3Daniil KvyatToro Rosso Honda64+8.305s15
4Lance StrollRacing P Mercedes64+8.966s12
5Carlos SainzMcLaren Renault64+9.583s10
6Alexander AlbonToro Rosso Honda64+10.052s8
7Romain GrosjeanHaas Ferrari64+16.838s6
8Kevin MagnussenHaas Ferrari64+18.756s4
9Lewis HamiltonMercedes64+19.667s2
10Robert KubicaWilliams Mercedes64+24.987s1
11George RusselWilliams Mercedes64+26.404s0
12Kimi RaikkonenAlfa Romeu Ferrari64+42.214s0
13Antonio GiovinazziAlfa Romeu Ferrari64+43.839s0
14Pierre GaslyRed Bull Honda61Não termin0
15Valtteri BottasMercedes56Não termin0
16Nico HulkenbergRenault39Não termin0
17Charles LeclercFerrari27Não termin0
18Lando NorrisMcLaren Renault25Não termin0
19Daniel RicciardoRenault13Não termin0
20Sergio PerezRacing P Mercedes01Não termin0

CAMPEONATO MUNDIAL DE CONSTRUTORES DA  F-1

PosiçãoEquipePontos
01Mercedes 409
02Ferrari 261
03Red Bull Honda 217
04McLaren Renault 70
05Toro Rosso Honda 42
06Renault 39
07Racing Point Mercedes 31
08Haas Ferrari 26
09Alfa Romeo Ferrari 26
10Williams Mercedes 01

CAMPEONATO MUNDIAL DE PILOTOS 2019

PosPilotoPaísCarroPts
01Lewis HamiltonInglaterraMercedes225
02Valtteri BottasFinlândiaMercedes184
03Max VerstappenHolandaRed Bull Honda162
04Sebastian VettelAlemanhaFerrari141
05Charles LeclercMônacoFerrari120
06Pierre GaslyFrançaRed Bull Honda55
07Carlos SainzEspanhaMcLaren Renault48
08Daniil KyvatRússiaToro Rosso Honda27
09Kimi RaikkonenFinlândiaAlfa Romeo Ferrari25
10Lando NorrisInglaterraMcLaren Renault22
11Daniel RicciardoAustráliaRenault22
12Lance StrollCanadáR Point Mercedes18
13Nico HulkenbergAlemanhaRenault17
14Kevin MagnussenDinamarcaHaas Ferrari15
15Alexander AlbonTailândiaToro Rosso Honda15
16Sergio PerezMéxicoR Point Mercedes13
17Romain GrosjeanFrançaHaas Ferrari8
18Antonio GiovinazziItáliaAlfa Romeo Ferrari1
19Robert KubicaPolôniaWilliams Mercedes1
20George RusselInglaterraWilliams Mercedes0

 

O consolo para a torcida alemã foi o segundo lugar de Vettel que largou em 20º e terminou em segundo. Foto: Alexander Hassenstein/Getty Images
Festa da Honda com o primeiro lugar de Verstappen e a terceira posição de Kyvat. Foto: Mark Thompson/Getty Images
Festa na equipe Red Bull Honda com a segunda vitória na temporada. Foto by Lars Baron/Getty Images
Charles Leclerc da Ferrari vinha bem na corrida até bater sozinho na 29ª volta e abandonar a prova. Foto: Dan Mullan/Getty Images
Antes da largada oficial duas voltas com o safety-car para reconhecimento de pista e dissipação da água. Foto: Mercedes
Pista molhada foi a responsável pela grande quantidade de troca de posições. Foto: Dan Mullan/Getty Images
Sebastian Vettel da Ferrari terminou com um sorriso sua participação no GP da Alemanha. Foto: Ferrari

Escreva um comentário