Renault Sandero 2020 ganha câmbio CVT e atualização no design

Renault Sandero 2020. Versão Zen 1.0 manual representa 50% das vendas e a versão testada Intense 1.6 13%. Foto: Amauri Yamazaki

COMPARTILHE

Modelo passa a contar com luzes diurnas em LED ao redor dos faróis, reforço na estrutura e controles de tração e estabilidade nas opções mais caras

São Paulo – SP

Andamos no Sandero 2020, um dos sucessos da Renault no Brasil que até outubro deste ano, ocupa a 16ª posição entre os automóveis mais emplacados do país de acordo com o ranking da Fenabrave.

Por fora, a linha 2020 do Sandero ganhou novos para-choques dianteiros e novas luzes diurnas de LED ao redor dos faróis, dando um aspecto mais sofisticado ao modelo.

A nova grade dianteira agora traz detalhes cromados dando um pouco mais de requinte.

O modelo também ganhou novas lanternas traseiras de LED, com novo formato que invadem a tampa do porta-malas.

No interior, novos materiais e as portas têm acabamento em tecido ou couro, dependendo da versão.

O volante em couro tem detalhes em cromo anodizado, dando um toque de esportividade.

Toda linha Sandero agora conta com 4 airbags de série, sendo 2 frontais e 2 laterais. Cor Azul Iron chama a atenção no trânsito. Foto: Amauri Yamazaki

Os bancos têm novos padrões de revestimentos e estão mais largos e com espumas mais espessas em um formato que proporciona melhor ergonomia.

Avaliamos  Sandero com motor 1.6 com o novo câmbio automático CVT X-Tronic, que proporciona mais conforto ao motorista.

O modelo é fácil de dirigir e o motor 1.6 acoplado ao câmbio CVT proporcionam boa dirigibilidade, mas um câmbio automático mais sofisticado poderia proporcionar um melhor aproveitamento da potência do motor.

Todas as versões de Sandero trazem de série quatro airbags (dois frontais e dois laterais), além de duas fixações Isofix para cadeirinhas infantis no banco traseiro e estrutura da carroceria reforçada.

As versões equipadas com o câmbio CVT X-Tronic, trazem controle eletrônico de estabilidade (ESC) e assistente de partida em rampas (HSA).

Todas as versões com câmbio CVT X-Tronic trazem ainda de série rodas de 16 polegadas e novos detalhes externos, como as molduras nas caixas de rodas, que os diferenciam das versões com câmbio manual.

O  novo Sandero vem equipado com Media Evolution, a nova central multimídia com tecnologia Android Auto e Apple Carplay, permitindo usar o Waze, Google Maps (Android Auto) e áudios de WhatsApp na tela de 7 polegadas touchscreen capacitiva, com melhor precisão do toque.

Painel de instrumentos do Sandero 2020 com tela multimídia de 7 polegadas. Foto: Amauri Yamazaki

O Media Evolution ainda traz as funções Bluetooth, câmera de ré (em algumas versões), Eco Scoring e Eco Coaching  que ajudam o motorista a economizar combustível auxiliando na maneira de dirigir –, acessadas diretamente no carro.

A chave tipo canivete, com comando de abertura e fechamento das portas.

MOTOR

A versão testada tem  motor 1.6 sem turbo, 16V, 4 cilindros, com duplo comando de válvulas variável, injetores posicionados no cabeçotes.

A potência é de 118 cv com etanol e o torque é de 16 kgfm.

Motor 1.6 tem 118 cv de potência com etanol. Foto: Amauri Yamazaki

VERSÕES

Life 1.0: quatro airbags (dois frontais e dois laterais), Isofix, direção eletro-hidráulica, ar-condicionado, vidros dianteiros elétricos, travas elétricas, chave canivete e rodas de 15 polegadas.

Zen 1.0 e Zen 1.6: Todos da versão Life mais Media Evolution, comando satélite no volante, sensor de estacionamento, ajustes de altura do banco e volante, computador de bordo, alarme, vidros elétricos com `one touch` e Stop&Start (exclusivo motor 1.6 SCe manual).

Zen 1.6 CVT X-Tronic: Todos os itens da Zen manual mais câmbio automático CVT X-Tronic, controle eletrônico de estabilidade (ESC), assistente de partida em rampas (HSA), rodas de 16 polegadas Flexwheel e molduras nas caixas de roda.

Intense 1.6 CVT X-Tronic: Todos os itens da versão Zen CVT mais ar-condicionado automático, câmera de ré, faróis de neblina, vidros traseiros elétricos, retrovisores elétricos, piloto automático (controlador e limitador de velocidade) e rodas de liga leve de 16 polegadas diamantadas.

Para os passageiros do banco traseiro o espaço é limitado. Foto: Amauri Yamazaki

PREÇO

O Sandero 1.0 manual a partir de R$ 47.990,00.

A versão Intense 1.6 CVT avaliada tem preço a partir de R$ 66.390,00.

Novas lanternas traseiras identificam fácil a linha Sandero 2020. Foto: Amauri Yamazaki
Sandero 2020 tem mais partes cromadas na dianteira. Foto: Amauri Yamazaki

RENAULT SANDERO OCUPA A 16ª POSIÇÃO entre os automóveis mais emplacados do Brasil de acordo com a FENABRAVE (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores).

Posição acumulada de janeiro a outubro de 2019.

Deixe uma resposta

*