Os números não foram melhores devido a queda nas exportações para a Argentina, mas o mercado interno brasileiro apresentou crescimento de 8,3% em emplacamentos de janeiro a novembro.

São Paulo – SP

Em entrevista coletiva realizada na sede da entidade o presidente da Anfavea, Luiz Carlos Moraes, divulgou os números de produção de veículos automotores até novembro deste ano.

O executivo apontou que está otimista (com cautela) com relação a recuperação econômica do país e apresentou os dados de produção do setor.

A produção em novembro foi – 7,1% comparada com a produção de outubro de 2019.

Porém, no acumulado de janeiro a novembro deste ano a produção teve um aumento de 2,7% devido ao crescimento do mercado interno.

Em novembro foram produzidos 227,5 mil veículos (automóveis, caminhões, ônibus e comerciais leves), com a segunda melhor média diária de vendas de 2019.

MERCADO INTERNO – RELATÓRIO dezembro 2019

Anfavea dez19

Segundo Moraes, a produção total em 2019, registrará um crescimento de 2 a 3%, na comparação a 2018.

Os estoques de veículos em novembro estão em torno de 41 dias, dentro da normalidade do setor.

EXPORTAÇÕES

As exportações em 2019, devem atingir a casa dos US$ 10 bilhões, contra US$ 14,5 bilhões de 2018, devido a crise argentina.

De janeiro a novembro de 2019, as exportações de veículos tiveram queda de 33,2%.

INVESTIMENTOS

Os investimentos das montadoras de veículos no Brasil para os próximos anos (na casa dos R$ 39 bilhões) serão voltados para lançamentos e modernização dos automóveis, caminhões, ônibus e tratores, e não no aumento da produção, pois o setor tem capacidade ociosa suficiente para atender a necessidade do mercado interno nos próximos anos.

Talvez a única montadora que pode investir no aumento de sua capacidade produtiva é a Toyota do Brasil, que declarou por diversas ocasiões, operar a 100% da capacidade em suas 3 fábricas no país (Indaiatuba, Sorocaba e Porto Feliz).

A Anfavea fez uma pesquisa em parceria com o site Webmotors e os números demonstram que 90%  dos entrevistados que visitam o site tem intenção de trocar de automóvel em 2020.

Também de acordo com a pesquisa, uma parte relevante dos entrevistados tem interesse em adquirir um automóvel híbrido ou elétrico, já em 2020.

A Anfavea divulgará as previsões de produção para 2020 na próxima coletiva em 7 de janeiro.

Foi realizada uma homenagem póstuma ao executivo Andre Beer que presidiu a da Anfavea (1983 a 1989) e foi vice-presidente da General Motors do Brasil, por 18 anos e faleceu no início de de novembro.

André Beer – Divulgação

Escreva um comentário