Ministério da Saúde mostra crescimento dos casos em todo o país com 34 óbitos e 1891 infectados

São Paulo – SP

O Ministério da Saúde divulgou no final da tarde desta segunda-feira o último balanço do mapeamento do coronavírus no Brasil.

O Estado de São Paulo tem 30 óbitos representando 88,24% dos casos de letalidade em todo o país, com o Rio de Janeiro completando a lista com 4 mortes.

Brasil tem 34 óbitos e 1.891 infectados

Nos EUA, a cidade de Nova York tornou-se o epicentro dos casos da Covid-19 com 98 mortes, seguida pela capital Washington com 75 e Nova Jersey com 63.

O governador de Nova York, o democrata Andrew Cuomo (62) declarou que em breve o sistema de saúde do Estado não terá capacidade suficiente para atender todos os infectados, gerando uma imensa ansiedade entre os nova-iorquinos.

“Nova York concentra, de longe, a maior parte do problema do país”, disse Andrew Cuomo em entrevista, antecipando que “até 80%” da população poderá se infectar e que a crise irá durar meses.

O prefeito de Nova York, Bill Blasio, já declarou que a cidade não tem ventiladores suficientes para atender a demanda que será necessária para atender os infectados nos próximos dias e que na próxima semana a situação vai piorar.

Tanto o prefeito quanto o governador de Nova York insistiram hoje em que o governo federal obrigue as empresas a fabricar mais respiradores e máscaras, cuja escassez aumenta no país e no mundo.

Nova York aguarda a chegada da Guarda Nacional e do Corpo de Engenheiros do Exército para instalar leitos hospitalares adicionais. De Blasio disse esperar que, esta semana, comece a funcionar um hospital temporário com mil leitos que está sendo construído no Centro de Conferências Jacob Javits, em Manhattan.

Nova York, aguarda, ainda, a chegada do navio-hospital USNS Comfort, com mil leitos e salas de cirurgia, em algumas semanas.

A presidente da Câmara dos Deputados, a democrata Nancy Pelosi anunciou hoje a liberação de 2,5 trilhões para sustentar a economia americana.

Escreva um comentário