Com o resultado o inglês acumula 88 vitórias estando a apenas 3 do recorde de Michael Schumacher.

Hamilton vence na Espanha com Verstappen em segundo

O hexacampeão inglês Lewis Hamilton da Mercedes venceu de ponta a ponta o GP da Espanha de F-1.

Em segundo cruzou a linha de chegada o holandês Max Verstappen da Red Bull Honda  seguido pelo finlandês Valtteri Bottas da Mercedes.

Largada

Bottas fez o segundo tempo no sábado, mas foi superado na largada por Verstappen e Stroll ficando caindo para a  quarta posição, enquanto Hamilton seguia na liderança com tranquilidade.

Verstappen chegou a dizer pelo rádio que Hamilton estava indo muito devagar, o que comprovava que o inglês administrava a corrida com tranquilidade.

Bottas só conseguiu ultrapassar a Racing Point de Stroll na quinta volta.

Verstappen

Na volta 22, Verstappen que largou de pneus macios para no boxe para colocar pneus médios, pois os macios da largada já estava desgastados. A troca foi realizada em apenas 1,9 segundos.

Max Verstappen ocupa a segunda posição no campeonato de pilotos. Foto: Rudy Carezzevoli/Getty Images

Mercedes

Posteriormente, Hamilton parou para a troca de pneus também colocando pneus médios. Contudo, a troca de pneus do inglês levou 4.3 segundos devido a uma dificuldade com um dos pneus traseiros.

Na mesma volta, Bottas parou para a troca de pneus realizada em 3.1 segundos.

Na 28ª volta, Hamilton mantinha a liderança seguido por Verstappen, Bottas, Perez, Leclerc, Vettel, Ricciardo, Stroll e Magnussen.

Ferrari

Na 37ª volta, Charles Leclerc da Ferrari rodou na pista e abandonou a prova alegando problema no motor que travou na curva. Foi o primeiro carro o único carro a abandonar a prova.

Já o alemão Sebastian Vettel adotou uma estratégia de uma parada para a troca de pneus e a medida que os pilotos trocavam os compostos pela segunda vez, Vettel ia subindo de posições.

Sebastian Vettel fez apenas uma troca de pneus e terminou na sétima posição. Foto: Ferrari

Racing Point

Na 43ª volta os dois carros da equipe ocupavam a 4ª posição com Lance Stroll e a 5ª com Sergio Perez, com Pierre Gasly da AlphaTauri vindo em 6º.

Nesse sentido, a Racing Point é a terceira força do campeonato atrás apenas da Mercedes e Red Bull.

Final

Enfim, no final Hamilton conseguiu abrir uma vantagem de 23 segundos sobre Verstappen que vinha em segundo com 20 segundos de vantagem de Bottas.

Com o resultado, o inglês acumula a 4ª vitória em 6 corridas em 2020, estando cada vez mais próximo do título e do recorde de vitórias de Schumacher.

Definitivamente, Hamilton é o favorito para vencer o campeonato deste ano, já que seu companheiro de equipe não consegue acompanhar seu ritmo.

Próxima Corrida

GP da Bélgica de F-1 dia 30 de agosto – Largada às 10:10.

Pódio do GP da Espanha de F-1. Foto: Alejandro Garcia/Pool via Getty Images
Hamilton vence na Espanha com Verstappen em segundo e Bottas em terceiro.
A Ferrari ocupa a quinta posição no campeonato de construtores.

Pódio do GP da Espanha. Foto: Alejandro Garcia/Pool via Getty Images
As duas Racing Point já são a terceira força do campeonato. Contudo, a McLaren está a apenas 1 ponto atrás da equipe que no ano que vem vai se chamar Aston Martin. Foto: RP
Por fim, Lewis Hamilton está a apenas 3 vitórias do recorde de Michael Schumacher que conquistou 91 vitórias na F-1. Foto: Mercedes

Escreva um comentário