Com a vitória o inglês iguala ao recorde de títulos de Michael Schumacher na F-1.

Hamilton conquista o heptacampeonato na Turquia por antecedência.

O Grande Prêmio da Turquia tinha tudo para que as Mercedes não ganhassem a prova, pois os carros não tiveram uma boa adaptação ao piso da pista em Istambul no treino da sexta e no sábado.

Porém, o inglês Lewis Hamilton mostrou mais uma vez porque é o maior vencedor da categoria ao conquistar sua 94ª vitória na F-1, neste domingo.

O piloto da Mercedes foi paciente, estratégico e deu um show de pilotagem na pista molhada do circuito de Istambul Park.

Largada

Na largada, o canadense Lance Stroll da Racing Point (pole) manteve a ponta com Max Verstappen o segundo, perdendo muitas posições na largada.

Já o finlandês Valtteri Bottas, o único que disputava o campeonato com Hamilton, rodou sozinho na primeira curva junto com a Renault de Esteban Ocon.

Além disso, o alemão Sebastian Vettel da Ferrari que havia feito o 11º tempo no sábado, saltou para a 3ª posição, após Hamilton sair de frente em uma curva ainda na primeira volta.

No início Stroll era o primeiro seguido por Perez, Vettel, Verstappen, Hamilton, Albon, Ricciardo, Raikkonen e Sainz.

Estratégia

Com a pista escorregadia Hamilton foi ultrapassado por Alexander Albon da Red Bull Honda caindo para a sexta posição.

Quando a pista começou a secar alguns pilotos pararam para colocar pneus intermediários, mas Hamilton dizia pelo rádio que era o momento de trocar os pneus.

Na 17ª volta, Max Verstappen que vinha em segundo tentou a ultrapassagem em cima do mexicano Sergio Perez e acabou rondando na pista, mas conseguiu retornar em 6º.

Valtteri Bottas que vinha na 17ª posição rodou sozinho na 21ª volta, mas conseguiu retornar a pista.

Na 34ª volta, Alexander Albon, andando na terceira posição rodou sozinho cedendo a posição para Lewis Hamilton.

Hamilton toma a ponta

Na 37ª volta, Hamilton estava em segundo quando ultrapassou a Racing Point de Sergio Perez e assumiu a liderança da corrida, com Verstappen em terceiro e Stroll em quarto.

No final, Hamilton cruzou a linha de chegada em primeiro com Sergio Perez em segundo e Sebastian Vettel em terceiro, sua melhor posição nesta temporada.

A festa da Mercedes foi grande nos boxes, pois a equipe conquistou por antecipação o campeonato de construtores e de pilotos de 2020.

Hamilton chorou e disse para os mais jovens para nunca desistir de seus sonhos.

O inglês heptacampeão ainda não renovou o contrato com a Mercedes – LAT Images
O inglês Lando Norris da McLaren fez o melhor tempo da prova.

Verstappen ainda pode lutar pelo vice-campeonato de pilotos.
Max Verstappen Red Bull Honda terminou na  sexta posição com Alexander Albon logo atrás. Foto: Rudy Carezzevoli – Getty Images
O mexicano Sergio Perez da Racing Point terminou na terceira posição. Foto: RP
O inglês Lewis Hamilton não teve adversário a altura em 2020. Mercedes
O alemão Sebastian Vettel da Ferrari terminou em terceiro. Foto: Ferrari

Próxima Prova: GP do Bahrein de F-1 – 29 de novembro 2020.

Escreva um comentário