O Brasil registrou 961 casos fatais em 24h sendo 181 no estado de São Paulo.

EUA registram 6.349 mortes em 24h e a Alemanha 937.

A Inglaterra registrou 747 vítimas fatais pela pandemia em 24h.

EUA: 6.349 mortes em 24h. Presidente eleito Joe Biden (78) declarou ontem que “dias negros estão por vir“.

BRASIL: 961 mortes em 24h. Vice-governador de SP, Rodrigo Garcia (46), testou positivo para o novo coronavírus, forçando o governador João Dória a retornar de suas férias em Miami.

ÍNDIA: 634 mortes em 24h. Porém, tudo indica que o governo indiano está administrando as estatísticas.

MÉXICO: 897 mortes em 24h. As estatísticas não parecem confiáveis e o país testa pouco o novo coronavírus.

ITÁLIA: 531 mortes em 24h. Nesse sentido a pandemia segue consistente.

INGLATERRA: 747 mortes em 24h. Ao mesmo tempo a vacinação já começou.

FRANÇA: 276 mortes em 24h.  Simultaneamente, o governo não vem atualizando as estatísticas regularmente.

ESPANHA: 178 mortes em 24h.

RÚSSIA: 536 mortes em 24h. Todavia, a vacinação já começou.

ARGENTINA: 317 mortes em 24h. Contudo, o governo parece perdido.

COLÔMBIA: 251 mortes em 24h.

PERU: 45 mortes em 24h. Porém, os números não são confiáveis.

ALEMANHA: 937 mortes em 24h. Definitivamente, as infecções estão aumentando.

CHILE: 10 mortes em 24h. Por outro lado, o governo segue atento a evolução da pandemia.

EQUADOR: 13 mortes em 24h. Ao passo que o governo não tem contabilizado mortes em residências.

CHINA: 1 morte em 24h. Em contrapartida, ninguém dá crédito as estatísticas do país.

EUA registram 6.349 mortes em 24h e a Alemanha 937.

 

COMPARTILHAR

Escreva um comentário