Hamilton foi ultrapassado por Verstappen há três voltas do final, mas o holandês devolveu a posição por ter ultrapassado o limite da pista.

Lewis Hamilton vence o GP do Bahrein de F-1.

A temporada 2021 da F-1 teve início neste domingo com uma corrida cheia de emoção do início ao fim.

Na volta que antecede a largada, a Red Bull de Sergio Perez parou na pista, mas o piloto conseguiu religar o carro e largou dos boxes.

Na largada, Max Verstappen conseguiu manter a ponta seguido por Hamilton, Bottas, Leclerc, Gasly, Ricciardo, Norris e Alonso, quando a Haas do russo Nikita Mazepin rodou sozinho e bateu na primeira volta.

Max Verstappen da Red Bull Honda liderou a maior parte da corrida terminando em segundo. Getty Images

Ainda na primeira volta, Leclerc conseguiu a ultrapassagem em cima da Mercedes de Valtteri Bottas.

O acidente causou a entrada do safety car e a relargada foi dada ao final da terceira volta com Verstappen mantendo a ponta seguido por Hamilton, Leclerc, Bottas, Gasly, Norri, Ricciardo, Alonso e Stroll.

Haas

Algumas voltas depois foi a fez de Mick Schumacher rodar da mesma forma do seu companheiro de equipe, o que demonstrou que a Haas era o pior carro do grid.

O russo Nikita Mazepin bateu sozinho na primeira volta provocando a entrada do safety-car. Haas

O mexicano Sergio Perez largou dos boxes e fazia uma corrida de recuperação sendo o primeiro piloto a parar nos boxes.

Verstappen seguia na liderança com uma vantagem de dois segundos sobre Hamilton que tinha uma vantagem de 4,7 segundos de Bottas.

A Mercedes de Hamilton parou na décima quarta volta para troca de pneus (duros), sendo que Verstappen permanecia na pista. Na volta seguinte, foi a vez de Bottas parar para a troca de pneus.

Verstappen parou na décima oitava volta para troca de pneus e retornou na segunda posição atrás de Hamilton e a frente de Bottas, Perez, Norris e Leclerc.

A primeira vista, a Red Bull Honda parece ser o melhor carro até agora na temporada. Foto: Bryn Lennon/Getty Images

No meio do pelotão, a disputa entre Stroll, Vettel, Alonso e Sainz era intensa com várias ultrapassagens.

Verstappen ia diminuindo a diferença para Hamilton, quando na vigésima nona volta, o inglês parou nos boxes pela segunda vez para a troca de pneus (duros) para ir até o final.

Alonso abandona

Na trigésima quarta volta, Fernando Alonso da Alpine abandonou com problemas no freio traseiro.

Fernando Alonso (39) fez uma boa corrida, mas teve de abandonar devido a um problema nos freios traseiros.

Já Verstappen fez a segunda parada para troca de pneus na trigésima nona volta e retornou em segundo a 8,8 segundos da Mercedes de Hamilton, faltando 16 voltas para o final.

Pelo rádio, a Mercedes informou a Hamilton que em dez voltas Verstappen estaria em posição de ataque.

Porém, Verstappen só conseguiu realizar a ultrapassagem na volta 53, quando na manobra de ultrapassagem ultrapassou o limite da pista levando vantagem, sendo orientado pela equipe a devolver a posição para Hamilton.

Depois da corrida soube-se que a Red Bull recebeu o pedido de devolução da posição do diretor de provas da FIA, Michael Masi.

Contudo, Hamilton apertou o ritmo e não deu chances para a segunda ultrapassagem de Verstappen, conquistando sua 96ª vitória na F-1.

Ao final da corrida, Verstappen reclamou pelo rádio com a equipe pela devolução da posição e disse que conseguiria abrir 5 segundos de vantagem sobre Hamilton, que seria a penalidade que ele receberia se não devolvesse a posição.

Max Verstappen da Red Bull Honda ultrapassou Hamilton há duas voltas do final, mas devolveu a posição. Foto: Mark Thompson-Getty Images

Piloto do dia: Sergio Perez que largou em último dos boxes e terminou na quinta posição.

Sergio Perez largou em último e terminou na quinta posição. Foto: Mark Thompson/Getty Images

Piloto de destaque: Yuki Tsunoda da AlphaTauri que fez estreia na F-1 marcando dois pontos.

O japonês Yuki Tsunoda da AlphaTauri fez sua estreia na F-1 terminando na nona posição. Foto: Peter Fox-Getty Images.

Próxima Prova:

GP de Emilia Romagna na Itália (antigo San Marino) – 18 de abril.

O espanhol Fernando Alonso abandonou a prova.

O finlandês Valtteri Bottas terminou em terceiro, mas se disse frustrado com o resultado.
Lando Norris terminou em quarto a frente do seu companheiro de equipe Daniel Ricciardo. McLaren
A Ferrari fez uma boa corrida terminando em sexto com Leclerc e oitavo com Sainz. Ferrari
Sebastian Vettel da Aston Martin não fez uma boa corrida e terminou na décima quinta posição. Aston Martin Media

Lewis Hamilton vence o GP do Bahrein de F-1.

 

COMPARTILHAR

Escreva um comentário