Os organizadores do Rock in Rio anunciaram o adiamento da edição 2021, para setembro de 2022.

Rock in Rio 2021 é adiado para setembro de 2022.

A área de eventos é uma das maiores atingidas pela redução da atividade econômica e o Rock in Rio foi obrigado a adiar sua realização.

Os promotores mencionaram as incertezas causadas pela Covid-19. “Acompanhando todos os acontecimentos recentes, e com base nas indefinições do cenário mundial atual devido à pandemia de Covid-19, comunicamos que o próximo Rock in Rio acontecerá em setembro de 2022. Essa mudança tem um único objetivo: preservar a saúde do nosso público, artistas e equipes que atual na Cidade do Rock”.

Ainda de acordo com o comunicado, o Festival acontecerá nos dias 2, 3, 4, 8, 9, 10 e 11 de setembro de 2022, como de costume na cidade do Rio de Janeiro.

Promotor

O empresário Roberto Media, idealizador do Rock in Rio, declarou: “O Rock in Rio mobiliza pessoas dentro e fora da cidade do Rock. Aqui no Brasil recebemos turistas de absolutamente todos os estados brasileiros, além do Distrito Federal, e também de mais de 700 mil pessoas que nos visitam. E, em Lisboa não é diferente. O verão europeu faz com que a cidade se transforme num polo efervescente do turismo e o festival recebe mais de 20 mil fãs por dia de inúmeros países. Aqui, em setembro de 2022 estaremos juntos de novo e prontos para o melhor Rock in Rio de todos os tempos, quando vamos celebrar a paz e o mundo, que será nosso outra vez”.

As vendas que estavam programadas para o dia 9 de março, não aconteceram e os organizadores estarão informando sobre a venda do Rock in Rio card para 2022, e as atrações que estarão presentes no lineup.

Turismo

De acordo com a Secretaria de Turismo da cidade do Rio de Janeiro o cancelamento representa a perda de uma receita de R$ 1,7 bilhão, entre hospedagens, transportes, restaurantes e passagens aéreas.
Ainda de acordo com a Secretaria, em 2019, o Rock in Rio atraiu 450 mil turistas e cerca de 700 mil pessoas participaram o festival. Ao todo, foram 250 artistas, 14 horas diárias de show e 600 horas de música.

Ao mesmo tempo, do exterior, vieram turistas de 73 países entre eles: Estados Unidos, Argentina, França, Rússia, Emirados Árabes, Polônia, Chile, Dinamarca, Canadá, Uruguai, Chile, Paraguai, Colômbia, Peru e Bolívia.

Segundo dados da Fundação Getúlio Vargas o Rock in Rio gera 25 mil empregos diretos e indiretos. Em 2019, só o Uber transportou 150 mil passageiros com destino ao festival.

A rede hoteleira da cidade é um dos setores mais beneficiados com cerca de 60% dos hóspedes vindos de fora do Rio.

O festival costuma receber cerca de 100.000 pessoas por dia.

Jovens de todo o país vijam ao Rio de Janeiro para assistir as apresentações. Divulgação

Rock In Rio

O festival teve sua primeira edição realizada em janeiro de 1985, sendo, desde a sua criação, reconhecido como o maior festival de música do mundo.
Com cobertura e divulgação pela tv aberta, foi um grande sucesso.
No entanto, a segunda edição veio a acontecer apenas em 1991 como Rock in Rio II.

Posteriormente, em 2004, tornou-se um evento mundial com a realização do Rock in Rio na cidade de Lisboa, em Portugal.

Ao longo de sua história, o Rock in Rio teve 20 edições, sendo oito no Brasil, oito em Portugal, três na Espanha, e uma nos Estados Unidos (Las Vegas).

Um dos fatores que marcaram o sucesso do festival deveu-se ao fato de que, até sua realização, poucas grandes estrelas do rock faziam shows na América do Sul.

Com o sucesso do Rock in Rio, praticamente todas as grandes bandas de rock passaram a participar do festival.

Último festival foi em 2019

A princípio, a cidade do Rock, no Rio de Janeiro, teve um aumento de 60.000m2, recebendo 9 palcos, 300 horas de música, 250 atrações e inúmeras novidades. Dentre elas, o Espaço Favela, o New Dance Order, o espetáculo Fuerza Bruta, a Rosa 85, a NAVE, palco Supernova e Rock Street Ásia.

Contudo, o comunicado termina com o agradecimento de todos aqueles que se juntam na esperança, na construção de um Mundo Melhor e na ansiedade pelo próximo encontro.

O cantor Rod Stewart é um dos artistas convidados. Divulgação

Rock in Rio 2021 é adiado para setembro de 2022.

 

COMPARTILHAR

Escreva um comentário