Em segundo larga o holandês Max Verstappen seguido pelo finlandês Valtteri Bottas.

Leclerc faz a pole para o GP de Mônaco de F-1.

Mick Schumacher da Haas teve problemas no carro e não participou do treino.

Após dois anos de ausência, a Ferrari conseguiu a pole position com Charles Leclerc para o GP de Mônaco de F-1.

A Ferrari não conseguia uma pole position desde o GP do México, em 2019.

Porém, em sua última volta Leclerc bateu a Ferrari na saída da curva da piscina e causou o encerramento do treino de classificação.

Contudo, manteve o melhor tempo na classificação e larga na frente em sua casa  em Monte Carlo.

Red Bull Honda

Após reclamar que o carro estava lento em Mônaco, o holandês Max Verstappen larga na segunda posição, com seu companheiro de equipe, o mexicano Sergio Perez, largando na nona posição.

Max Verstappen luta pelo título de pilotos com a Red Bull. Getty Images

Mercedes

Não conseguiu uma boa performance e larga em terceiro com Valtteri Bottas e em sétimo com Lewis Hamilton.

Valtteri Bottas larga em terceiro. Foto: Steve Etherington

Alpine

O espanhol Fernando Alonso não conseguiu uma boa adaptação com a Alpine em Mônaco e larga apenas na décima sétima posição.

Já o seu companheiro de equipe, o francês Esteban Ocon, larga na décima primeira posição.

O espanhol Fernando Alonso não está conseguindo acompanhar o ritmo de Esteban Ocon. Alpine

McLaren

Larga em quinto com Lando Norris, que teve seu contrato prorrogado por “vários anos” pela McLaren.

O australiano Daniel Ricciardo conquistou apenas  a décima segunda posição. A princípio, o australiano não está tendo uma boa adaptação ao carro da McLaren.

Largada

A largada para o GP de Mônaco está prevista para às 10h.

Serão 78 voltas no circuito de 3.337 metros totalizando: 260 km.

Leclerc faz a pole para o GP de Mônaco de F-1.

 

COMPARTILHAR

Escreva um comentário