Valor de mercado da gigante de alta tecnologia é maior que o PIB do Brasil.

Apple atinge US$ 3 trilhões na Bolsa de Valores americana.

A Apple chegou a atingir a casa dos US$ 3 trilhões de valor de mercado, nesta segunda-feira, 3 de janeiro 2022.

O valor representa mais que o dobro do PIB do Brasil na casa de US$ 1,3 trilhões ao ano, de acordo com o FMI.

Contudo, o valor de cada ação fechou o pregão de segunda-feira na Nasdaq casa dos US$ 182,01 atingindo a casa dos US$ 2,91 trilhões.

O valor da empresa tem se multiplicado desde a morte de seu fundador Steve Jobs, com aceleração na valorização das ações durante a pandemia.

Em agosto de 2018, a Apple foi a primeira empresa do mundo a atingir valor de mercado de US$ 1 trilhão, 38 anos após sua oferta pública de ações IPO.

Além disso, ela levou apenas 2 anos para ultrapassar US$ 2 trilhões e 16 meses para ultrapassar os US$ 3 trilhões.

Apesar da falta de matéria prima para a produção de microchips a empresa espera um aumento de vendas nos meses de dezembro 21 e janeiro de 22.

O principal produto da empresa é o smartphone iPhone, lançado em 2007, que gerou vendas de US$ 191,9 bilhões, no ano fiscal de 2020/2021.

O iPhone é um dos maiores sucessos do capitalismo com produção terceirizada no sudeste asiático. Divulgação

De acordo com a Nasdaq, a segunda empresa mais valiosa do planeta é a Microsoft com valor de mercado de US$ 2 trilhões.

Apple atinge US$ 3 trilhões na Bolsa de Valores americana.

 

COMPARTILHAR

Escreva um comentário