Honda inaugura nova fábrica de automóveis em Itirapina- SP e já produz o Fit

Momento da inauguração da fábrica de automóveis da Honda em Itirapina-SP. Da esquerda para a direita: João Maria Cândido Prefeito de Itirapina, Luciana funcionária da Honda, João Dória Junior Governador do Estado de São Paulo, Issao Mizoguchi Presidente da Honda South America, Hiroshi Saito Vice-Presidente Sênior e Roberto Akiyama Vice-Presidente de Automóveis. Foto: Amauri Yamazaki

COMPARTILHE

ホンダ自動車は、サンパウロ州内陸部イチラピーナ市に新工場をオープン

Enquanto algumas montadoras ameaçam fechar fábricas no Brasil a Honda comandada por Issao Mizoguchi, segue investindo forte no país.

AMAURI TERUO YAMAZAKI – Itirapina – São Paulo

Issao Mizoguchi – Presidente da Honda South America. Foto: Amauri Yamazaki

Em uma grande cerimônia com a presença do Governador de São Paulo João Dória Junior (61), do Prefeito de Itirapina João Maria Cândido, imprensa e convidados, a Honda inaugurou no último dia 27 (quarta), sua nova fábrica de automóveis localizada na cidade de Itirapina, a 220 km da capital.

O investimento realizado foi de R$ 1,0 bilhão e conta com 450 colaboradores que já estão produzindo o Fit e a lateral do WR-V.

O início da produção aconteceu no dia 27 de fevereiro com o faturamento do primeiro Fit produzido em Itirapina. O Fit também continua sendo produzido na fábrica de Sumaré-SP, juntamente com o Civic, City, HR-V e WRV.

Posteriormente toda a produção do Fit e de outros modelos serão transferidos para a fábrica de Itirapina. O próximo modelo a ser produzido em Itirapina será o WR-V, a partir de agosto.

Já o SUV HR-V deve ter sua produção transferida para Itirapina em 2020, seguido posteriormente pelo City e por último o Civic.

A nova fábrica está equipada com os mais modernos processos de produção e de baixo impacto ambiental, além do novo processo de pintura a base d´água, funcional e sustentável.

João Dória Junior – Governador do Estado de São Paulo. Foto: Amauri Yamazaki

A capacidade da nova fábrica é de 120.000 unidades ao ano, em dois turnos.

De acordo com a montadora, novas tecnologias aplicadas à estamparia, solda e outras etapas permitem processos otimizados com ganhos de produtividade.

Na fábrica de Sumaré permanecem as atividades de: produção de motor, fundição e usinagem, injeção plástica, engenharia da qualidade, planejamento industrial e logística.

Em Sumaré, está localizada a sede da Honda South América, o centro de pesquisa e desenvolvimento de automóveis, peças e centro de treinamento técnico.

Como a fábrica de Itirapina ficou pronta no final de 2015, aguardando a recuperação do mercado de automóveis brasileiro, a empresa ficou fora do recém-lançado programa do Governo do Estado de São Paulo, o “IcentivAuto”, que prevê descontos de 2,7 a 25% no ICMS de veículos produzidos no Estado que sejam resultados de investimento mínimo de R$ 1,0 bilhão e gerem no mínimo 400 empregos.

O presidente da Honda South America Issao Mizoguchi (59), disse que gostaria de poder voltar no tempo para incluir o investimento de Itirapina no programa do governo do Estado de São Paulo, mas que agora a prioridade é recuperar o valor investido.

Já o presidente da Anfavea Antonio Megale, elogiou a Honda e disse que a montadora tomou a sábia decisão de iniciar a produção da nova fábrica no momento em que o país apresenta uma trajetória de crescimento econômico.

A fábrica de Itirapina está em uma área de 5,8 milhões de m2, com uma área construída de 138.000 m2, que incluem estamparia, solda, pintura e montagem final.

De acordo com a Honda, a nova fábrica vai proporcionar expressivos ganhos de produtividade.

HONDA VAI TRAZER AUTOMÓVEIS HÍBRIDOS AO BRASIL

Durante a inauguração da nova fábrica de automóveis o presidente da Honda Issao Mizoguchi, também anunciou que a empresa irá importar 3 modelos de automóveis híbridos até 2023. Issao não revelou os modelos, mas entre eles deverá estar o novo Accord com motor 2.0 de 143 cv, trabalhando em conjunto com um motor elétrico de 181 cv.

A fábrica de Itirapina está em uma área de 5,8 milhões de m2, com uma área construída de 138.000 m2.  Os novos robôs utilizados na nova fábrica são 30% mais rápidos que os utilizados na fábrica de Sumaré-SP. Foto: Caio Mattos
Da esquerda para a direita a diretoria da Honda, Issao Mizoguchi (centro), João Doria Junior, Paulo Shuiti Takeuchi, Hiroshi Saito Vice-Presidente Sênior e a direita o Cônsul Geral  do Japão Yasushi Noguchi. Foto: Amauri Yamazaki

Honda Fit é o primeiro modelo a ser produzido na nova fábrica. Em agosto começa a produção do WR-V. Foto: Honda
Na cabine de pintura seis robôs utilizam tinta que elimina uma camada do processo e reduz em 60% as emissões de gases voláteis. Foto: Honda
O brasileiro Issao Mizoguchi (59) nasceu em São Bernardo do Campo – SP, com formação em Engenharia Mecânica de Produção, tendo ingressado na Honda em 1985. Foto: Amauri Yamazaki
Marcos Bento de Souza Diretor Jurídico e de Comunicação, Roberto Akiyama Vice Presidente de Automóveis, Otávio Kiyoshi Mizikami Diretor Industrial,  Luciano Almeida consultor e Paulo Takeuchi da Honda South America. Foto: Amauri Yamazaki
Governador de São Paulo João Dória Junior elogiou muito a Honda e a comunidade japonesa no Brasil. Foto: Amauri Yamazaki

 

Deixe uma resposta

*